shutterstock_247816603

TAILÂNDIA!? Mas o que vocês vão fazer em TAIWAN?

Passado o equívoco cotidiano das pessoas confundirem Tailândia com Taiwan, elas nos questionavam o tempo todo, “mas que diabos vocês vão fazer lá?” “mas a Tailândia não é um país pobre?” “Pra que trocar o Brasil por um lugar que não seja mais desenvolvido?”. Muitas das perguntas que nos faziam eram equivocadas, e muitas outras vezes nem nós sabíamos a resposta.

Uma coisa de cada vez. A Tailândia é sim mais pobre que o Brasil, em PIB e valores econômicos, mas o contrário se aplica quando se compara tradições, heranças culturais e respeito ao passado. Aqui, assim como a Ásia num geral, a cultura é tão enraizada que muitas vezes não se sabe o que é passado e o que é presente por aqui. De fato não tínhamos bem certo na nossa cabeça o que iríamos encontrar ao chegar do outro lado do mundo, a única certeza é que seria bem diferente de qualquer coisa que pudéssemos imaginar.

“Beleza, mas e a segurança? Por que né? Países mais pobres tendem a ser ainda mais perigosos que o Brasil, não?” Hmm não sei… O que eu sei é que aqui é seguro, MUITO seguro! Seguro ao ponto de andar em Bangkok (uma cidade maior que São Paulo) com a minha câmera pendurada no pescoço às quatro da manhã sem medo de ser assaltado, seqüestrado ou esfaqueado.

“Ta, mas e por que a Tailândia meu?” Ah, isso ainda também não sei a resposta, mas hoje sabemos ter feito a escolha certa! A Tailândia tinha um brilho nos olhos, algo que nos chamou. Ouvimos o chamado, ainda na duvida entre outros lugares na verdade, mas compramos a passagem, e ai, não tinha mais volta. Acabou duvida, acabou indecisão. Essa seria nossa realidade e nada nem ninguém mudaria isso.

“E qual o sentido disso tudo?” Essa pergunta é fácil de responder e difícil de explicar. A resposta é: Felicidade. Nada mais. Quer dizer que a felicidade esta na Tailândia? Na verdade ela não está aqui, ela está com a gente onde estivermos. Mas aqui viemos buscar o que há muito não sentíamos no nosso dia-a-dia, na rotina de trabalho, que é essencial para a nossa felicidade: liberdade.

“Ta, mas e o que vocês foram fazer ai EXATAMENTE?” Putz… essa pergunta é a mais complicada… É tão difícil eu responder essa quanto a famosa “ta, e o que você faz da vida?”. Na verdade a gente veio viver, viajar, viemos nos divertir, conhecer lugares novos, gente nova, novas culturas, novas opiniões, novos olhares, novas experiências, novos sabores. Enfim, na real nem a gente sabe o que viemos encontrar, mas quando a gente achar saberemos o que é. Nesse meio tempo queremos compartilhar com o mundo tudo de novo que a gente vivencia e aprende, tentando inspirar pessoas a buscar algo diferente em suas vidas. Buscar aquela coisa que muitas vezes a gente sente falta, mas ainda nem sabe o que é. É isso EXATAMENTE que a gente veio fazer aqui. Descobrir o que é essa “coisa” que estava faltando na nossa vida, e quando a gente encontrar a gente te fala, enquanto isso, vamos conhecer cada novo lugar ao máximo fazendo o que a gente mais ama. Viajando!